Como Ampliar Pequenos Ambientes.

Dependendo da combinação dos elementos da decoração, um mesmo ambiente pode parecer maior ou menor. Como criar a sensação de que um pequeno espaço ficou mais amplo?

Confira as dicas:

◦Formas retas: geram a sensação de ordem e planejamento;

◦Vidros e espelhos: integram visualmente os ambientes;

◦Ambientes integrados: retirando as paredes desnecessárias terá mais luz e ventilação

◦Mais luminosidade: quanto maior a luminosidade, maior a sensação do espaço – leia também: Efeitos de Iluminação

◦Utilize cores claras e apenas nos detalhes opte por cores mais vibrantes: quadros, pufes, almofadas e enfeites de mesa;

◦Portas de correr: ocupam menos espaço e permitem maior integração entre os ambientes

◦Escada: escolha um modelo vazado, garantindo leveza e fazendo com que seja um elemento de destaque do ambiente;

◦Cozinha / Salas: se possível integre estes dois ambientes, tornando o espaço mais aberto e iluminado. Caso prefira que sejam separadas, abra uma janela interna com vidro fixo ou de correr, que poderá funcionar como passa pratos.

Cores e Materiais

Alguns materiais ajudam a transmitir a sensação de que o espaço é amplo, tornando-o confortável.

◦Utilize espelhos grandes nos banheiros, salas e em quartos (que inclusive facilitam a visualização das roupas na hora de se vestir), conferindo a sensação de que o ambiente continua e não termina naquela parede;

◦Vidros e sua transparência também ampliam o ambiente, como no Box do banheiro e na divisão entre a cozinha e a lavanderia (quando lado a lado)

◦Paredes: cores claras (visual limpo);

◦Piso: escolha cores claras, um tamanho maior e único para os ambientes, conferindo unidade. Se cada ambiente receber um piso diferenciado isso irá fracioná-los e gerar a sensação de que são menores. Ao posicionar o piso, como tábuas, coloque-as no sentido de maior comprimento, ajudando a estender a sensação do ambiente;

◦Rodapés: pinte-os da mesma cor das paredes, caso o pé direito (altura do teto) seja baixo

◦Teto: não rebaixe o teto com gesso se o pé direito for baixo, no máximo faça uma moldura;

Móveis

Conheça algumas dicas que auxiliam a tornar o espaço mais dinâmico e funcional:

◦Escolha móveis com tamanho proporcional ao ambiente e quando integrar os ambientes como salas e cozinha utilize móveis com materiais que combinam entre si, com estética semelhante;

◦Móveis com portas de correr (quartos e cozinha) ocupam menos espaço;

◦Móveis com rodízio são mais versáteis;

◦Utilize móveis com uma profundidade um pouco menor para que haja espaço de circulação adequada (móveis de 55cm de profundidade ao invés de 60, por exemplo);

◦Módulos são práticos e funcionais: são fáceis de transportar, podem ser montados de diferentes maneiras e armazenam vários itens. Nos quartos podem funcionar como criado mudo e no home Office guardar livros e objetos;

◦Puxadores lineares são ótimos por ocupar menos espaço e conferir unidade ao móvel.

◦Sala: utilize pufes, os quais servem de apoio para a sala de jantar e para a de estar: funcionam bem para receber amigos e podem ser guardados facilmente debaixo de mesas de centro ou laterais. Os pufes podem ter cor mais forte, como vermelho e preto e funcionar como elementos de destaque que compõe o espaço. O sofá deve ter cor clara; invista em uma TV que possa ser fixada na parede, gerando a sensação de modernidade, funcionando como se fosse um quadro na parede e reduzindo o espaço ocupado por esta sobre os móveis. Optar por uma mesa redonda significa maior comodidade e facilidade de adaptação, pois facilita receber um maior número de convidados. Poltronas giratórias permitem que o usuário volte-se para a sala ou para o ambiente ao lado, sem, no entanto, ter de mover o móvel. Estante vazada confere maior leveza ao ambiente. Utilizar espelho na sala de jantar amplia o espaço e o torna mais dinâmico;

◦Escada: abaixo dela pode haver uma adega, um bar ou ainda um armário projetado para guardar utensílios como bandejas, potes… Escolher um guarda-corpo de vidro ajuda a transmitir leveza visual.

◦Quartos: a cama pode ser sem cabeceira e a parede atrás pode receber um tratamento diferenciado: um quadro linear na extensão da cama, adesivo de parede, revestimento de madeira, um espelho do teto até certa altura sobre a cama, etc;

Acessórios

Alguns detalhes permitem um uso mais confortável do ambiente:

◦Utilize lâmpada pendente sobre mesa lateral da sala e criado mudo, permitindo que este espaço seja liberado e possa ser utilizado ao invés de conter abajures;

◦Valorize a iluminação, destacando cortinas e alguns móveis;

◦Opte por cortinas leves, como de algodão branco, para gerar a sensação de claridade e leveza.

Fonte:http://www.cliquearquitetura.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s