6 coisas que você deve saber sobre estágio de arquitetura!

Hoje, estava lendo alguns blogs e resolvi fazer o repost de uma publicação sobre estágio de arquitetura =D, espero que gostem, ahhh e os créditos da postagem estão no final!

Momento de dar o primeiro passo, fazer o curso, ir para o estágio, abrir meu escritório e… num passe de mágica isso vai acontecer!

Parece bem simples, mas no mundo real a coisa muda, e com toda certeza vamos ter que ralar muito para chegar lá.

Não devemos nos desesperar, não é impossível, por isso queremos compartilhar com vocês estas dicas!

1 – Não preciso dominar cálculo, sou de humanas!

estágio

Ok! Até concordo que, dependendo a sua área de atuação, você não irá calcular estruturas mirabolantes, mas a matemática sempre estará presente na sua vida!

Saber quais são os custos envolvidos no projeto é essencial, tendo você seu próprio escritório ou trabalhando em uma empresa.

E não!! Você não terá orçamento ilimitado!!

Não adianta seu projeto ser o mais criativo do mundo se ele não couber no orçamento do seu cliente.

Por isso, comece para ontem a ter noções de custos, aprender a calcular um orçamento e a dominar muito bem o excel.

 

2 – Aprenda técnicas de negociação e de venda!

estágio, peixe, arquitetura, vendas

Isso pode soar como uma heresia para muitos arquitetos, mas não é.

Sempre estamos vendendo algo e sempre venderemos!

A apresentação de uma ideia ou de um projeto nada mais é do que um processo de venda. É argumentação + convencimento.

Repare na quantidade de trabalhos apresentados na faculdade! O que você está fazendo é tentando vender convencer seus colegas e professores do seu ótimo trabalho e assim ser pontuado com uma nota.

Isso irá acontecer não só na faculdade, mas durante toda na sua vida.

Aprender a vender ideias, conceitos e até mesmo a se vender é fundamental para o sucesso!

3 – Arquitetura x Engenharia

escalímetro, arquitetura

O arquiteto projeta e engenheiro executa!

Ahamm! Vai nessa… No início você terá que ser um canivete suíço! Projetar, executar, acompanhar e tudo mais!

Quem tem uma ampla visão da engenharia consegue propor soluções projetuais mais elaboradas ou mesmo discutir com o engenheiro soluções que não afetem a concepção do projeto.

Os melhores projetos são aqueles integram a arquitetura e a engenharia.

Outro ponto importante é o conhecimento técnico dos projetos complementares (hidrossanitário, elétrico, estrutural, etc …).

Seu cliente não quer saber se quem esqueceu de projetar o dreno do ar-condicionado foi o engenheiro! Você é o arquiteto, então a culpa é sua.

Por isso, dê mais atenção as aulas de engenharia. Elas irão te diferenciar se você souber usar esses conhecimentos.

4 – Aprenda a lidar com pessoas

Pessoas, trabalho, concentração, arquitetura, equipes

Essa é fácil! Tenho muitos amigos no facebook e todos gostam de mim na Facul!

Espera até você chegar na empresa para ver se essa teoria funciona.

Há conflitos em todo local de trabalho, sejam pessoais ou profissionais. E alguns dias serão um inferno.

Saber lidar com situações de crises, com sentimentos próprios e dos colegas, expressar-se da forma correta na hora certa são pontos importantíssimos para o seu crescimento.

Aqui começamos a separar os homens(ou mulheres) dos meninos (ou meninas).

5 – Trabalhe sob pressão!

força, mãos, arquitetura, criança

Não consigo ser criativo trabalhando sob pressão. Então comece a treinar!

Se você acha que seus professores cobram muito de você, espere até ter um cliente ou chefe!

Os projetos são todos para ontem e prazos cada vez mais apertados.

Mesmo em um momento de discussão, domine as emoções e os anseios e aprenda a concentrar-se no trabalho! Isso o ajudará, e muito, no momento que estiver pressionado.

6 – Observe a sua postura profissional e o ambiente de trabalho!

Gravata, Terno, Empresário, Paris, Londres, São Paulo, Brazil

Por mais descontraído que seja o ambiente de trabalho, existem regras.

Observe o seu ambiente de trabalho e veja como as pessoas se comportam. Algumas empresas aceitam que você trabalhe de bermuda, chinelo e camiseta. Mas elas são pouquíssimas!

Se o seu objetivo é fazer carreira na empresa, abra o olho!

Preste atenção na sua comunicação, tanto escrita quanto falada, na postura com colegas, no trabalho em equipe, eficiência, disponibilidade para o trabalho …

Usar jargões técnicos é uma coisa, agora falar “Pô véio!” não rola!

Outra dica é: intere-se do negócio. Por exemplo: Se for um escritório de projetos de arquitetura residencial, pergunte sobre demanda de mercado, captação de clientes, custos, etc…

Seu interesse certamente chamará a atenção!

Créditos : Post retirado de 44Arquitetura

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s